terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Clame ao Senhor!


Vendo e ouvindo diversas entrevistas com a população, pude sentir uma “pequena amostra” da agonia e tristeza daqueles que são atingidos de forma direta pela crise; pessoas desempregadas e sem perspectivas de novo emprego, empresários e comerciantes desesperados sem saber o que e nem como agir diante da crise moral, econômica e política. Crise que gera insegurança e “deseducação”. Só Deus para nos socorrer.
Esta situação lembra uma crise que viveram os discípulos de Jesus; eles estavam navegando quando uma grande tempestade começou a encher o barco de água e seus corações de medo e desespero. Que crise!   
De repente, uma grande tempestade agitou o lago, de tal maneira que as ondas começaram a cobrir o barco. E Jesus estava dormindo. Os discípulos chegaram perto dele e o acordaram, dizendo: —Socorro, Senhor! Nós vamos morrer! Por que é que vocês são assim tão medrosos? —respondeu Jesus. Como é pequena a fé que vocês têm! Ele se levantou, falou duro com o vento e com as ondas, e tudo ficou calmo. Mateus 8.24-26.
Não sei como você está se comportando no seu “barquinho” nesta “tempestade” que vivemos hoje, eu sei que atravessar crises nunca foi muito fácil para ninguém, nos dá medo, insegurança, etc.
A solução é fazer como os discípulos fizeramchegaram perto de Jesus e disseram: Socorro, Senhor! Nós vamos morrer!
Jesus pode acalmar nossas tempestades, pois Ele é Deus de milagres e nos ama, o Deus que está pronto para nos socorrer.

Clame ao Senhor!

Pr. Luis Freitas

0 comentários:

Postar um comentário