quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Cristo é tudo em todos

 O cristão não deve ter nenhuma barreira de raça, línguas, culturas, riqueza ou poder, Cristo desfaz todas as barreiras e aceita as pessoas que vão a Ele sem qualquer impedimento, qualquer “um” pode ir a Cristo e se entregar a Ele do jeito que estiver, será recebido com muita alegria e transformado pelo poder de Deus.
O maior problema está em nós, os “filhos de Deus,” que sentimos dificuld ades para conviver com aquele que Cristo aceitou e fez “nossos Irmãos”.
Pois foi Cristo quem nos trouxe a paz, tornando os judeus e os não-judeus um só povo., ele derrubou o muro de inimizade que os separavam.  e dos dois povos formou um só povo, novo e unido com ele. Foi assim que ele trouxe a paz. Efésios 2.14-15

Quando Cristo é tudo em todos,
Somos levados a:
Imitar a atitude de compaixão e perdão de Cristo.
Perdoar a outros, lembrando o quanto Deus nos perdoou.
Pois amar quem nos ama é fácil, ame seus inimigos. Disse Jesus.

Obs. Para esclarecer; nem sempre perdoar, significa conviver!

Deus nos abençoe

Pr. Luis Freitas

0 comentários:

Postar um comentário